]]>
E-mail
Senha
Manter conectado
Como divulgar sua loja virtual no Buscapé
Comparadores de preço podem ajudar a alavancar suas vendas
Por Tiago Bosco em 09/01/2017
Compartilhe no Facebook!Compartilhe no Facebook!



Colaborou com essa reportagem: AbraHosting (Associação Brasileira de Empresas de Infraestrutura de Hospedagem na Internet) - http://abrahosting.org.br e UOL Host (www.uolhost.com.br)

Você até compra por impulso uma vez ou outra, mas, de forma geral, faz uma boa pesquisa e toma alguns cuidados antes de gastar seu dinheiro? Então, não está sozinho.

De acordo com um levantamento feito pela Connected Life, 88% dos brasileiros fazem algum tipo de pesquisa antes de comprar um produto, e 74% deles buscam na internet por mais informações antes de fechar o negócio.


Isso demonstra que já criamos o hábito de buscar alguns dados antes de comprar algo, e uma das principais informações que procuramos antes de clicar no botão "comprar" é o preço. Ele é um fator decisivo na escolha do produto e é normal que o cliente queira conferir se está pagando o melhor preço possível.

Os comparadores de preço, como o Buscapé, são plataformas que ajudam o consumidor a descobrir justamente isso, garantindo uma melhor experiência para o consumidor, que pode facilmente confrontar os preços e ver a flutuação dos valores.

O Buscapé soma mais de 7 milhões de usuários cadastrados. Isso significa que sua marca e produtos vão estar em uma plataforma que tem um público muito amplo, e que gosta e confia no comparador. Há ainda um suporte com conteúdo para que você possa obter os melhores resultados possíveis e liberdade para decidir quanto e como quer investir.

Você acha que é complicado inserir seus produtos no comparador? É nada! Dá uma olhada nos passos abaixo:

Inserindo seus produtos no comparador
O primeiro passo para ter seus produtos no Buscapé é fazer o cadastro na plataforma. Quando terminar, será direcionado para a Área do Lojista. Nesse espaço é possível fazer a inclusão dos seus produtos e a gestão de visitas, cliques e compras.

A próxima etapa é configurar o perfil da sua loja. Aqui você pode incluir informações do seu negócio, como site, descrição, formas de pagamentos e logo.

Para criar sua primeira campanha, basta ir até o menu "Campanhas", clicar em "Buscas" e, na sequência, em "Ofertas". Depois disso, será necessário escolher qual a forma de captura é ideal para você, a automática ou a manual.

Se você já tiver um site, o Buscapé pode importar as ofertas publicadas automaticamente, ou você pode incluir um arquivo XML com os produtos. Se não tiver, ou ainda possuir poucos itens, pode cadastrá-los manualmente na seção administrativa.

Cada uma das categorias de produtos do Buscapé tem um valor mínimo por clique, chamado CPC, ou Custo Por Clique. Você pode decidir o quanto quer investir em cada clique, desde que o valor esteja acima do CPC.

A partir daí, cada vez que alguém clicar no seu produto, o custo de CPC será debitado do seu saldo.
Quanto melhor for seu lance, maiores são as vantagens para os seus produtos. Um CPC bom vai te permitir estar entre os primeiros resultados e ter destaque em negrito. Considerando que a maioria dos cliques costuma ser na primeira página, estar no topo é um ótimo negócio.

Com sua loja cadastrada e produtos atualizados, você terá o seu negócio em uma vitrine ativa 24 horas por dia, 7 dias por semana, e com um público de 60 milhões de visitantes mensais!

Fonte: UOL Host (www.uolhost.com.br)

Compartilhe no Facebook!Compartilhe no Facebook!

Comentário(s)